Iniciação ao Tantra

Tantra significa profundas vivências que são absorvidas gradativamente.

Os Tantras são escrituras sagradas que contem muitos ensinamentos como os encontrados no Budismo, Taoísmo, Judaísmo, etc. São ensinamentos baseados na sensibilidade e no relaxamento mental do ser humano e sua conexão com Deus.

Ele nos ensina a perceber a vida através dos sentidos absorvendo a energia que nos envolve e aprendendo através deles quem somos e como devemos viver de forma plena e responsável, mas relaxadamente. Tantra não acredita no sofrimento para a libertação do Ser. Ele acredita que a libertação acontece exatamente quando não acreditamos no sofrimento. O sofrimento nos ocupa de tal forma a tornar nos cegos. Os sacrifícios humanos não são divinos.

O divino quer que nós sejamos felizes, plenos, abundantes.

Os ensinamentos falam de acessar o amor verdadeiro dentro de nós. E só o amor verdadeiro poderá desenvolver a consciência plena. Devemos desenvolver o amor pela natureza, por tudo que foi criado. Devemos desejar para o outro aquilo que queremos para nós. Devemos gerar nossos filhos na energia do amor. O sexo foi erroneamente divulgado como a prioridade do Tantra.

Quando o sexo é abordado ele é considerado como um dos instrumentos para despertar a consciência. Ele deve ser natural, espontâneo, ter uma beleza, aproveitar a ascensão da Kundalini pela coluna para abrir os chakras e elevar a consciência.

Tantra não é sinônimo de sexo

Tantra não é sinônimo de sexo, mas o sexo deve ser também tântrico. Os instrumentos que o Tantra usa para que a sexualidade se torne mais sagrada e mais sensível, como os aromas, as cores, o ambiente agradável, os óleos de massagem, etc, são no sentido de despertar a sensibilidade do corpo para que o encontro não seja mecânico e nem mental, como é comum ocorrer entre os casais do mundo moderno. A pessoa robotizada jamais entenderá a proposta do tantra. Os cinco sentidos são limitantes precisamos ir além deles.

O tantra enfoca a estética, a criatividade, o olhar para o belo, o ouvido que ouve e não aquele que apenas escuta. O visível e o invisível. Sua proposta é alargar as portas da percepção. Porém o tantra adverte que nunca se deve forçar a fechadura antes do tempo. A abertura das portas deve ser feita naturalmente e nunca com o auxílio dos tóxicos que destroem o que ainda não está maduro e que nunca mais poderá ser reconstruído.

Há, portanto um minúsculo mundo percebido por nós e um mundo invisível infinitamente grande que pode ser contactado com a devida preparação. O Tantra considera o Universo como comportando existências em vários níveis, onde moram seres com graus de consciência diferente da humana. Nós podemos penetrar nestes mundos desde que nos preparemos para isto. Quando estamos preparados podemos conhecer o que é vibração, como é o poder dos mantras, o poder dos yantras, das mandalas e as curas que somos capazes de fazer.

Existem no Tibet hospitais que curam com mantras, toques, yantras, mandalas, ervas etc. O Tantra é considerado também um ensinamento de magias ou até de milagres. Pois ele confia no processo da mudança de vibração para a cura. Os tântricos confiam na dança e na meditação como veículos de cura. Quando dançamos como deuses, estamos vibrando com o coração puro e neste momento tudo pode acontecer. Quando reproduzimos o universo através das artes estamos usando um veículo que nos conduz ao despertar.

Tantra diz: "O sexo reduz você, o tantra expande". É a mesma energia, mas ele faz a virada. Não é mais egoísta auto-centrada. Começa a se espalhar por toda a existência. "No Tantra você pode viver em orgasmo durante todo o dia porque sua própria energia se torna orgástica". "Tu és luz, tu és divino"! Não sabes o quão profundo é o teu esquecimento.

"Não podes acessar isto durante um minuto sem que um só pensamento venha perturbar tua auto-recordação. Essa é a escuridão real. Se recordares tornar-te-ás luz. Se esqueceres tornar-te-ás trevas. […] As trevas dos tempos não podem ocultar o sol fulgente; os longos kalpas do Sansara jamais podem esconder a luz brilhante da mente."

Se você ficou tocado(a) com estes ensinamentos isto significa que sua linha evolutiva é o Tantra. Consulte nossos cursos na página sobre Curso Básico de Tantra.

O TAO do Tantra — O Misterioso

  • Escute o misterioso, não o negue.
  • Não diga precipitadamente que ele não existe.
  • Todas as pessoas que caminharam na terra de uma maneira consciente concordam a respeito disso – o misterioso existe.
  • O mundo não termina no visível. O invisível existe e é muito mais significativo porque é muito mais profundo.
  • O visível é somente uma onda no invisível. O invisível é o oceano.
  • Dessa maneira, quando algo estranho acontecer, não o negue e não se feche a ele.
  • Abra-se, deixe que ele entre.
  • E todos os dias há muitos e muitos momentos em que o misterioso bate à sua porta.
  • Subitamente um pássaro começa a cantar; escute-o, e escute através do coração.
  • Não comece a analisá-lo, não comece a falar internamente sobre ele.
  • Fique em silêncio, deixe que ele penetre em você tão profundamente quanto possível.
  • Não o impeça com pensamentos. Permita-lhe uma passagem absoluta.
  • Sinta-o, não pense nele.
  • E quando você vir uma flor, não a nomeie, não a chame de rosa.
  • Não diga que ela é bonita – simplesmente sinta-a.
  • Deixe que a beleza o inunde, ao invés de nomeá-la.
  • Deixe que ela o penetre. Deixe-a provocar alguma coisa em você.
  • Mesmo se por um único momento você puder estar com a rosa sem nomeá-la, você ficará surpreso.
  • Seu coração baterá mais forte, com uma nova paixão, com uma nova emoção.
  • Por ter encontrado uma rosa no começo da manhã, você pode se sentir diferente o dia inteiro.
  • Se você viu o sol se erguendo pela manhã e foi arrebatado por ele, você pode se sentir totalmente diferente o dia inteiro.
  • Se você viu os pássaros voando e esteve com eles por um momento, você se sentirá uma pessoa completamente nova — sua vida começou a mudar.
  • Essa é a maneira de você se tornar um iniciado.
  • Você precisa absorver a beleza da existência, a sua absoluta alegria, a sua bênção transbordante.

(Mestre Osho em: The Tong-tip Taste of Tao, #6. c).

Aprenda e Pratique Tantra

Alquimizar significa transformar, saber fazer o movimento correto para que algo verdadeiro aconteça no seu interior.

Tantra é a alquimia que há séculos tem sido ensinado pelos grandes sábios indianos.

Dentro destes ensinamentos aprendemos a usar os nossos sentidos e a nossa mente a nosso favor. Aprendemos com o nosso próprio corpo. Num simples ato de respirar está o ensinamento.

Tudo que envolve os nossos sentidos é tantra: A arte, a dança, a poesia, a musica, a vibração do universo. Aceitar profundamente a beleza valorizando os desejos que são importantíssimos para criamos o espaço pessoal e a expansão ou elevação da consciência em uma frequência superior de vibração elimina os sentimentos que nos adoece cortando a criatividade.

  • Focamos na beleza interior.
  • Focamos na evolução através do amor e não do sofrimento.

Informações

  • Direção: Cristina Winter Satto (Psicóloga e Parapsicóloga)
  • Duração: 13 meses – 2h de aula (Uma vez por semana desejar a vida em sua totalidade).

"Somente onde o amor desabrocha, há uma harmonia, uma igualdade e um equilíbrio natural, sem qualquer conflito ou luta. E sendo natural há uma beleza que lhe é própria."
(Mestre OSHO).

Muitas pessoas não têm orgasmo ou não sabem o que querem porque estão fora de si.

Não têm intimidade consigo mesma. Não têm intimidade com seus próprios sentidos. Estão apenas seguindo padrões de comportamentos sem sentirem nenhuma felicidade com o que fazem. Não importam quais são os brinquedinhos que usamos para distrair a nós mesmos. Enquanto não assumirmos a responsabilidade sobre nossa própria existência, sobre quem de fato somos a vida não terá sentido algum. O comportamento compulsivo é fruto da falta de prazer, então a pessoas acumula coisas, compra sem necessidade, come sem controle, usa drogas, muda de parceiro com frequência, controla a vida alheia, fala sem refletir. Mas o que buscamos não está fora de nós. Estas reações são sinais de inconsciência sobre si mesmo.

A proposta tantrica é valorizar a nossa existência, ampliando a percepção e aprofundando o autoconhecimento. Ensinando o desprendimento do comportamento neurótico que impede a aceitação do prazer.

Aceitar profundamente a beleza que habita sua alma.

"Somente onde o amor desabrocha, há uma harmonia, uma igualdade e um equilíbrio natural, sem qualquer conflito ou luta. E sendo natural há uma beleza que lhe é própria."
(OSHO).

Tantra é a alquimia que há séculos tem sido ensinado pelos grandes sábios indianos.

Dentro destes ensinamentos aprendemos a usar os nossos sentidos e a nossa mente a nosso favor. Ensina-nos a evoluir refletindo e aprendendo com o nosso próprio corpo a desvendar o mistério da nossa existência.

Num simples ato de respirar está o ensinamento.

Tudo que envolve os nossos sentidos é tantra: A arte, a dança, a poesia, a musica, a vibração do universo.

Tantra significa profundas experiências. É uma forma de experimentar a vida de dentro para fora.

A crise fornece a energia necessária para dar o salto, para criar, para transformar.

 
Belo Horizonte | Minas Gerais
fone: (31) 99312-6506
fale conosco, envie email para falecom arroba shantydeva.com